Seminaristas e vocacionados vivenciaram a 4ª Semana de Convivência Vocacional

Publicado em: 11 dezembro 2019
Bernadete Seixas

Nos dias 07 a 10 de dezembro, em Luz, foi realizada a 4° Semana de Convivência Vocacional, do Seminário Nossa Senhora da Luz, reunindo todos os seminaristas e vocacionados.

Neste ano, o tema refletido foi: “[…] e chamou a si os que ele queria, e eles foram até ele” (Mc 3, 13b), e sendo inspirados por uma fala do Papa Francisco aos formadores, que ocorreu no dia 13 de novembro deste ano – o encontro tratou das quatro proximidades propostas pelo papa. A saber: com Deus, com o bispo, com o clero e com o povo de Deus.

Durante os quatro dias de encontro e por meio das palestras os seminaristas e os vocacionados se entregaram nos momentos de oração e reflexão, estando atendo à vontade de Deus para cada indivíduo, tendo em vista a proximidade com o clero, com a família, e com o povo de Deus.

Nesse ano, teve-se como palestrantes: o bispo diocesano Dom José Aristeu Vieira; o assessor diocesano de Pastoral e secretário executivo das CF da CNBB, padre Patriky Samuel; o formador do seminário Propedêutico, padre Marcos Tiago da Silva;  o reitor do seminário da casa de BH, padre Fábio Costa; o representante dos Presbíteros, padre Cássio Wagner Alves Vieira e o vigário paroquial da Paróquia São Carlos Borromeu e administrador da Região Pastoral Nossa Senhora Aparecida, de Lagoa da Prata, padre Pedro Felisberto Ferreira. A religiosa da Congregação das Pequenas Irmãs da Divina Providência, Irmã Bianca Aparecida Ribeiro de Oliveira, que atualmente reside em Formiga, os seminaristas Douglas Morais e Filipe Costa, e o casal Fernandes e Angélica; além de momentos com a psicóloga Marisa Domingos e dinâmicas propostas pelos próprios seminaristas.

Além de palestras, houve também momentos de partilhas entre seminaristas e vocacionados, e conversas com os reitores das casas de Luz e de Belo Horizonte; onde cada um dos participantes tiveram a oportunidade de conhecer a realidade diocesana do seminário e estreitar os laços enquanto vocacionados ao sacerdócio.

De acordo com a coordenação do seminário, por meio da Semana de Convivência Vocacional, os vocacionados aproximam do seminário, auxiliando no processo de discernimento vocacional e da intimidade com Deus. Conhecendo a vivência e a rotina das casas de formação da Diocese, e vivenciando um pouco desta, os vocacionados interagiram com os seminaristas e tiraram as dúvidas do que diz respeito ao processo formativo.

Informações com o seminarista João Vitor

 

Compartilhe com seus amigos: