Irmã Maria da Conceição Rufino completa 60 anos de vida consagrada

Publicado em: 25 agosto 2016
Bernadete Seixas

No domingo, 21 de agosto, os fiéis da paróquia São Vicente de Paulo, em Bom Despacho, celebraram os 60 anos de vida consagrada da Irmã Maria da Conceição Rufino, que pertence à congregação religiosa Irmãs da Companhia Filhas da Caridade.

A missa de ação de graças foi celebrada pelo padre Francisco Ermelindo, CM e concelebrada pelo pároco e padre Denison Costa.

Antes de encerrar a celebração houve homenagens à irmã Rufino como uma coração à Nossa Senhora onde ela juntamente com as crianças participaram do momento de ação de graças.

Irmã Rufino, em seu discurso agradeceu a todos. “Tenho a grande alegria em louvar e agradecer a Deus pelas maravilhas que Ele fez em mim durante esses sessenta anos de Vida Consagrada a serviço dos irmãos carentes. Agradeço a Companhia, que pela misericórdia divina que aprovou a minha entrada e a Província que me enviou ás comunidades locais. E nestas, para onde fui envida, reconheço a bondade de todas e de todo o povo de Deus. Foi nestas Comunidades que eu recebi muitas graças pela bondade do coração misericordioso de Jesus Cristo e de sua Santa Mãe Maria de Nazaré.Percebi que a palavra de Deus é viva em cada uma das Irmãs, produzindo frutos de vida nova. Estou bem consciente de que Nossa Senhora das Graças da Medalha Milagrosa não falha com a sua proteção. Sinto -me muito feliz em ter dado o meu primeiro Sim e quero ser fiel até o fim com a graça de Deus”, finalizou Maria da Conceição Rufino.

Após, a celebração houve bolo e parabéns.

A Irmã Rufino

Maria da Conceição Rufino, é filha de José Rufino Pereira e Marieta das Neves Ferreira. Sendo a primeira filha do casal, dos seis filhos, sendo quatro mulheres e dois homens. É natural da cidade de Santo Antônio de Guanhães/MG, nasceu no dia 5 de julho de 1932. Foi batizada no dia 5 de agosto e aos sete anos recebeu os Sacramentos da Eucaristia e da Crisma, na cidade de São João Evangelista/MG. Sendo prepara por sua tia Maria Rocha Sanches. Teve como padrinhos de batismo: Antônio e Mocinha, de crisma Ambrosina Pereira e de representação: Luiza Ferreira.

Sempre teve contigo a palavra de Deus em Is. 41, 9. Javé disse: “Israel, escolhi você, o chamei meu servo, escolhi. Não tenhas medo! Sou teu Deus, fortaleço você, sustento e ajudo”.

Aos onze anos de idade, foram a Igreja para a Missa e depois, foram cumprimentar o Pároco Monsenhor Pinheiro Brandão e ele percebeu que a Conceição estava muito doente e pediu uma  vaga no Hospital da Cidade de São Miguel de Guanhães   para se tratar. Quando ficou boa, sem que as freiras percebessem, ela pediu ao Monsenhor que desse um jeito para ir para outro lugar, que nem sabia onde, para ser uma Irmã . E ele respondeu: sím, já sei. É para o Colégio do Serro – MG. E Para lá foi e fez os estudos em nove anos e seguiu para o Rio de Janeiro.

Em 1955 participou  do Congresso Eucarístico juntamente com as Irmã e jovens. Lá, ela esteve na Escola Irmã Paula e no Colégio de Providência, no bairro Laranjeiras preparando se para entrar na Companhia das Filhas da Caridade.

No dia vinte e oito de maio de 1956, foi recebida no Seminário para fazer o noviciado e no dia 28 de maio de 1957 foi enviada para a Cidade de Araguari –MG . Permaneceu aí até 1975 trabalhando com crianças no Lar das Crianças e na escola.

 Durante toda a sua caminhada passou pelas cidades de  Trindade/GO; Antonio Carlo/MG; ( Borda do Campo ),Belo Vale/MG; Entre Rios/MG.  Participou da Seção Vicentina na Casa Mãe das Filhas da Caridade em Paris, na França.

Após voltar da Europa ainda percorreu as cidades de: Rio Piracicaba/MG; Diamantina/MG; Araguari/MG; Campina Verde /MG, Cidade de Sandolândia e Dorilândia/TO, Porto Nacional/TO, Araguari/MG, Dores do Indaiá/MG e atualmente Bom Despacho/MG.

Compartilhe com seus amigos: