Encontro com Jesus leva a tomar caminhos diferentes, diz Papa

Publicado em: 6 janeiro 2020

No Ângelus desta segunda-feira, 6, Francisco observou que, após encontro com Jesus, os Magos seguiram por outro caminho

Da redação, com Vatican News

Papa Francisco durante o Ângelus desta segunda-feira, 6/ Foto: Guglielmo Mangiapane – Reuters

“Avisados em sonho para não voltarem a Herodes, retornaram para a sua terra, seguindo outro caminho” (Mt 2, 12). O trecho final do evangelho da solenidade da Epifania do Senhor, que narra o encontro entre os Magos e o Menino Jesus, foi destacado pelo Papa Francisco na manhã desta segunda-feira, 6, durante a alocução que antecedeu a oração mariana do Ângelus. A reflexão, realizada na Praça São Pedro, aconteceu após missa na Basílica de São Pedro.

O Santo Padre observa que os Magos, provenientes de regiões distantes, encontraram Jesus após viajarem muito. Segundo o Pontífice, aqueles homens ansiavam conhecer o Messias, já que O procuravam por muito tempo. “Quando finalmente chegam à meta, se prostram diante do Menino. O adoram e oferecem dons preciosos. Depois disso, colocaram-se novamente a caminho. (…) Aquele encontro os transformou”, frisou.

“Viram um Rei diferente, que não é desse mundo. Manso e humilde. Indicado concordemente pelos astros e pelas escrituras. O encontro com Jesus não detém os Magos, mas os infundem a um novo impulso: o de voltar para seus países e contar aquilo que viram e que sentiram”.

O Papa prosseguiu: “A experiência com Deus não bloqueia, mas liberta. Não nos aprisiona, mas nos coloca novamente a caminho, nos restitui aos lugares habituais de nossa existência. Os lugares são os mesmos, mas nós, depois de encontrarmos com Jesus, não somos os mesmos”. O evangelista Mateus ressalta que os Magos retornaram por outro caminho, retomou Francisco.

Sobre a expressão “por outro caminho”, o Pontífice observou: “Depois que encontramos ou reencontramos o Senhor nestas festas natalinas, não podemos percorrer as mesmas estradas, os mesmos caminhos de antes. Experiências de encontro com Jesus nos induzem a tomar caminhos diferentes”. O Papa finalizou pedindo aos fiéis que se tornem testemunhas de Cristo para uma vida nova.

Fonte: CN

Compartilhe com seus amigos: