Em reunião, CONSER Leste 2 debate sobre Novo Estatuto da CNBB, Pilar da Caridade e Pacto pela Vida e pelo Brasil

Publicado em: 3 novembro 2020
Pascom

Os (Arce)Bispos das (Arqui)Dioceses do Estado de Minas Gerais e do Espírito Santo reuniram-se, por videoconferência, na quinta-feira (29), para a reunião do Conselho Episcopal Regional (CONSER) do Leste 2 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).

Após um momento de oração, os integrantes do CONSER partilharam sobre as contribuições de cada Província para o novo Estatuto da CNBB e sobre o Pilar da Caridade; Pacto pela Vida e pelo Brasil e as Indicações Pastorais do Regional.

Os (Arce)Bispos também abordaram o Regimento das Comissões Episcopais de Pastoral; Diretório; TEIA (Tribunal Eclesiástico Interdiocesano e de Apelação); Pauta do Conselho Permanente; Lei Geral de Proteção de Dados; Processo de beatificação e outros.

Dom José Carlos de Souza Campos, bispo da Diocese de Divinópolis (MG) e presidente do Regional Leste 2, avaliou que a reunião foi positiva, considerando a riqueza da colegialidade, partilha entre os participantes e do momento de comunhão que os encontros do CONSER representam. Houve boa participação tanto no debate sobre o novo Estatuto, como nas iniciativas para concretizar o Pacto, o Pilar e as Indicações Pastorais.

Durante a reunião virtual ficou definido que Dom Francisco Cota de Oliveira, bispo da Diocese de Sete Lagoas (MG), assumirá o como bispo referencial da Comissão para o Ecumenismo, que atua em sintonia com o CONIC (Conselho Nacional de Igrejas Cristãs do Brasil) no diálogo ecumênico e inter-religioso. E também que Dom Roberto José da Silva, bispo da Diocese de Janaúba (MG), irá integrar o Conselho Fiscal do Regional Leste 2.

Compartilhe com seus amigos: