Como sua paróquia pode usar a tecnologia para promover o domingo de Páscoa

Publicado em: 26 março 2021

Muitos são os “não-cristãos” que não entendem por que os cristãos celebram a Páscoa. Esta estatística pode ter implicações enormes ao planejar as comunicações de sua paróquia para a época da Páscoa. Então, como usarmos as ferramentas que temos hoje para ajudar as pessoas a entender o verdadeiro significado da Páscoa?

Por que temos este desafio:

Para começar, o próprio termo “Páscoa”, para a maioria dos que não frequentam a igreja hoje, significa coelhinhos de chocolate, ovos e o coelhinho da Páscoa. Dê uma olhada nas lojas cheias de guloseimas de Páscoa. Ainda mais do que na época do Natal, precisamos lembrar às nossas comunidades que Jesus é a razão desta temporada.

Esclareça o significado da Páscoa:

Quando você usa o termo “Páscoa” como em “Domingo de Páscoa”, isso não significa nada para as pessoas sem religião nesta época do ano. Só porque o termo “Páscoa” é importante para você, não significa que assim seja para qualquer pessoa da sua localidade. Em vez de usar o termo “Páscoa”, muitas paróquias se referem ao termo litúrgico que é o Domingo da Ressurreição. Este pelo menos dá às pessoas uma ideia do que estamos celebrando.

Use todas as ferramentas de mídia social e tecnologia para implementar estas sugestões:

Site: pense no seu site como um lugar para dizer tudo o que você poderia dizer às pessoas se tivesse tempo para explicar a fé católica e de que se trata a Páscoa, tal como:

Artigos sobre o significado da Páscoa, a história da Páscoa escrita do ponto de vista de alguém novo na paróquia.

Ideias sobre como celebrar a Páscoa com crianças, vá além do coelhinho, mostre a alegria de Jesus Ressuscitado.

De espaço no seu aplicativo e site paroquial para Perguntas sobre a Ressurreição de Jesus, por que você possa responder aos paroquianos e postar também no site e aplicativo.

Programações e orientações completas e claras para todos os eventos do Domingo da Ressurreição – isso é tão básico e importante, porém frequentemente esquecido. Ter certeza de que todos os detalhes estão facilmente disponíveis em seu site é uma das melhores maneiras de mostrar que você ama sua família paroquial e sua comunidade.

YouTube: Você não precisa ter valores de produção perfeitos para colocar alguns vídeos no YouTube para sua paróquia. Você só precisa ter algo significativo a dizer. Poucas mensagens são mais importantes do que a mensagem da Páscoa. Uma mensagem é que fomos perdoados e viveremos para sempre por causa do sofrimento, morte e ressurreição de Jesus Cristo. Grave vídeos curtos de pessoas em sua paróquia compartilhando o que isso significa para elas, como a Páscoa mudou suas vidas e o que gostariam que seus amigos soubessem sobre a Páscoa.

Instagram: Por ser altamente visual, você deve postar seus materiais de divulgação de Domingo da Ressurreição através de “arraste pra cima” dos stories com links para o aplicativo e site paroquial.

Facebook e Twitter: Faça os anúncios dos conteúdos do site apenas com os links das postagens do seu site paroquial.

Certifique-se de que qualquer coisa que você postar no Facebook e Twitter também seja adicionada ao site da sua paróquia para que, quando as pessoas precisarem de informações oficiais da paróquia, elas possam pesquisar no site e aplicativo.

Lembre-se, nem todos os seus paroquianos possuem Redes Sociais – mas em sua maioria quase todos possuem um smartphone com internet. Sim! Isso é uma realidade.

O apóstolo Paulo falou sobre como ele “se tornou todas as coisas para todos, a fim de ganhar alguns”. Aceite neste tempo de Páscoa o desafio de usar todas as ferramentas tecnológicas e humanas que você tem para compartilhar Jesus e a alegria de Sua ressurreição.

Fonte: https://paroquia.site/

Compartilhe com seus amigos: