Catequizandos da Paróquia São Carlos Borromeu participaram do Sacramento da Reconciliação

Publicado em: 14 novembro 2019
Bernadete Seixas

Antecedendo ao dia em que os catequizandos da Paróquia São Carlos Borromeu, de Lagoa da Prata, iriam se confessar, o pároco padre Cristiano Caetano Leal, reuniu-se com elas, com os pais, com os padrinhos e com os familiares, para um momento de preparação para a Eucaristia.

Todo o medo e insegurança naturais a uma criança, que irá se confessar pela primeira vez, foi logo de início, substituído pelo desejo de reconhecer-se pecador e receber de Deus o perdão. Isso, porque a naturalidade com que o tema foi tratado pelo pároco, em meio a lindas canções, e diálogo prazeroso, tranquilizou as crianças, levando-as a participarem efetivamente do momento, comentou a catequista Clô Rezende.

A catequista ainda ressaltou que foi uma catequese tanto para as crianças, como para os adultos. Em uma linguagem infantil, o padre Cristiano não deixou a menor dúvida sobre o que é pecado mortal e venial.

No sábado, 06 de novembro, na Igreja Matriz São Carlos Borromeu, 75 crianças receberam a Primeira Eucaristia.

Compartilhe com seus amigos: